Tuesday, March 8, 2011

Uma batida? A do seu coração.

E eu que me achava tão forte, sempre me virei bem com as situações da vida, era o famoso malandro, colocado abaixo por um sorriso de uma garota de olhos verdes que congelam o coração de qualquer um que parar pra observar a sinceridade no brilho do seu olhar. daqueles que dão vontade de viver.
E ver, ver se tornar mulher, sentir o gosto do céu e ver de perto a batida do seu coração, bateu em mim.
E é ali que eu quero morar a vida toda, ser o motivo do seu dia nascer ensolarado mesmo quando as manhãs frias chegarem... de dentro de você.

1 comment

ingrid said...

que lindo *---------*

© pensamentos voam com o vento;
Maira Gall